Peelings Químicos

Peeling Quimico

Os peelings químicos são realizados  com o objetivo de obter melhora do aspecto da pele.

Consistem na aplicação de uma substância química na pele para de forma controlada levar a uma esfoliação (desprendimento) e permitir a formação de uma nova pele regenerada, melhorada, “mais jovem”.

O crescente interesse pelo rejuvenescimento da pele e retardo do processo de envelhecimento mantém os peelings químicos como excelente opção de tratamento.

Geralmente o peeling deve ser realizado em um paciente que está em tratamento dermatológico e que terá sua pele preparada com o uso de produtos específicos.

 

Os peelings químicos podem ser realizados na face ou outras áreas como pescoço, colo, mãos e braços e efetivamente melhorar várias condições da pele como:

  • pele envelhecida;
  • rugas e linhas finas;
  • algumas formas de acne ativa;
  • cicatrizes de acne
  • manchas solares
  • “sardas”
  • estrias

A pele se torna mais homogênea, com melhora da textura e maciez.
Os peelings químicos podem ser superficiais, médios ou profundos.

 

PEELING QUÍMICO SUPERFICIAL

Indicados no tratamento da pele envelhecida, seca, áspera, com manchas solares, acne com predomínio de comedões (cravos), acne inflamatória leve, lesões hiperpigmentadas pós-inflamatórias manchas solares de face e mãos e estrias.
PEELING QUÍMICO MÉDIO

São utilizados ácidos mais potentes visando afetar não apenas a epiderme, mas, também a derme na sua porção superficial. Tem resultados muito satisfatórios no tratamento da pele foto envelhecida.
PEELING QUÍMICO PROFUNDO

Atacam a derme mais profundamente sendo assim os que produzem resultados mais dramáticos. São recomendados nos casos de cicatrizes profundas, no foto-envelhecimento mais avançado e para lesões pré-cancerosas da pele..
De maneira geral, após um peeling químico a pele estará mais fina, frágil e sensível a qualquer agressão. Cada peeling exigirá cuidados específicos que serão orientados ao paciente.

Quais as tendências mais atuais mas indicações dos peelings?

Nos dias atuais são poucas as pessoas que podem facilmente se submeter aos procedimentos que exigem longo período de afastamento de suas atividades de rotina para sua recuperação.

Assim cada vez mais realizamos peelings seriados, ou seja, uma seqüência de peelings superficiais em número de 3 a 5 aplicações com intervalos de 2 a 3 semanas entre si.

Com esta conduta obtemos ótimos resultados permitindo ao paciente manter sua vida normal.

Estes peelings superficiais seriados podem ainda ser de grande utilidade para preparar a pele para se realizar um peeling médio ou profundo de forma a potencializar o resultado destes.

Outra modalidade que vem ganhando espaço é a de peelings combinados e/ ou associados.

Os resultados podem ser potencializados quando se usam vários produtos associados na mesma área ou combinando-se agentes diferentes em várias áreas simultaneamente.

Merece ser lembrada a possibilidade da combinação dos peeelings químicos com outros procedimentos principalmente a microdermabrasão, toxina botulínica, preenchedores cutâneos, estimuladores dérmicos e também a cirurgia para correção das pálpebras.

Praça Cel. Benjamin Guimarães, 65 - Sala 1903 Funcionários - Belo Horizonte - MG CEP 30130-030

(31) 99292-8987

contato@aguiarcoura.com.br

Segunda a sexta-feira de 8:00 às 17:30 hs